Loja Viveiros Aliança

Alfazema

0.64

Lavandula dentata

Em alvéolo. Também disponível em vaso. Consulte-nos.

Planta originária do mediterrâneo, há quem lhe chame lavanda-francesa pois é na região da Provença, no sudeste francês, que se encontram plantações em grandes áreas para fins cosméticos. Trata-se de uma variedade cultivada em Portugal como planta ornamental e que se distingue pelas folhas estreitas e de tal modo recortadas que daí lhe advém a designação dentata.

45 em stock

Categoria: Etiqueta:
Descrição

Descrição

Planta originária do mediterrâneo, há quem lhe chame lavanda-francesa pois é na região da Provença, no sudeste francês, que se encontram plantações em grandes áreas para fins cosméticos. Trata-se de uma variedade cultivada em Portugal como planta ornamental e que se distingue pelas folhas estreitas e de tal modo recortadas que daí lhe advém a designação dentata.
Planta herbácea perene até 0,80 m de altura, forma irregular, de folhas verde acinzentadas com perfume. Flores azuis reunidas em espiga na ponta dos ramos com perfume acentuado de lavanda.
Em paisagismo poderá ser cultivada em canteiros extensos ou como complemento para maciços de plantas somente verdes ou coloridas.
Esta espécie de lavandula é mais considerada como ornamental para jardins; devemos ter em atenção o facto de que é uma planta com tendência para xerófita,
sendo por isso importante não a misturar com outras que se desenvolvem em solo mais húmido.
As flores são usadas como medicinais, para chás e para produção de óleo essencial usado em perfumaria.