Loja Viveiros Aliança

Choupo negro itálica

7.95

Populus nigra italica

Encontra-se nas margens dos rios e lagos ou ainda em terrenos húmidos, até aos 1300 metros de altitude. Comum na Europa, Ásia e África setentrional, em Itália disseminada por todo o território. É frequente ao longo dos cursos de água e, pelas suas notáveis qualidades ornamentais, encontra utilização na formação de arruamentos arborizados e de fileiras nos limites das propriedades

Limpar
REF: N/A Categoria: Etiqueta:
Descrição

Descrição

A variedade itálica do choupo-negro é uma árvore de folha caduca, podendo atingir mais de 30m. Os ramos ascendentes formam uma copa afunilada de porte colunar, de cor verde vivo; o nome recorda a semelhança do seu aspecto com o do cipreste. O tronco do choupo-negro é ereto, frequentemente com numerosas protuberâncias, muito ramificado e dividido desde a base, com casca cinzenta-acastanhada espessa e gretada. Encontra-se nas margens dos rios e lagos ou ainda em terrenos húmidos, até aos 1300 metros de altitude. Comum na Europa, Ásia e África setentrional, em Itália disseminada por todo o território. É frequente ao longo dos cursos de água e, pelas suas notáveis qualidades ornamentais, encontra utilização na formação de arruamentos arborizados e de fileiras nos limites das propriedades. O choupo-negro não teme a poluição atmosférica e cresce vigoroso em zonas fortemente industrializadas, onde forma uma barreira protetora bastante atrativa em redor de estabelecimentos e outras instalações industriais. As folhas são de forma triangular a romboidais, de 6-10 cm; com ápice afilado e margens dentadas, com pecíolo longo, frequentemente recurvado; de cor verde intenso, brilhante na página superior, mais claro nas inferiores. As inflorescências são reunidas em amentilhos pendentes com comprimento de 10-15 cm; de cor vermelho-vivo as masculinas, amarelo-esverdeado as femininas, desenvolvendo-se em árvores diferentes e maturam em Março-Abril. Também as infrutescências se encontram ao longo de amentilhos formados por um colar de cápsulas esverdeadas com cerca de 8 mm, que na maturidade libertam sementes plumosas. Multiplica-se facilmente, por estacas. A sua madeira macia, branca ou rosada tem sido empregue no fabrico de embalagens e em carpintaria ligeira. Segundo alguns autores, a sua madeira era muito apreciada por escultores e artistas em geral para talhar. As suas folhas eram utilizadas para combater a febre, a sua casca tem propriedades adstringentes e contém salicina e populina. Os ramos e a casca tingem de amarelo. O choupo branco é cultivado na Europa e Norte da América como adorno nas ruas, parques e jardins, tendo um efeito notável no Verão devido à página inferior das suas folhas ser densamente matizada com pelos brancos e brilhantes.

Informação adicional

Informação adicional

Altura (cm)

50-60, 70-90, 100-120